Artigos/News

OAB apoia Dia Nacional contra Violência à Mulher
Adicionada em 11-10-2016

No Ano da Mulher Advogada - em que a OAB conclama a advocacia a lutar por mais mulheres nos quadros diretivos da entidade em nível federal e das Seccionais, além de promover ações que garantam a valorização feminina - a Ordem abraça e apoia a causa do Dia Nacional de Luta contra a Violência à Mulher, celebrado no dia 10 de outubro.

O presidente nacional da OAB, Claudio Lamachia, ressalta que toda a diretoria da entidade está empenhada em trazer cada vez mais mulheres para o Sistema OAB. "Reiteramos o apoio que temos dado desde o começo desta gestão à Comissão Nacional da Mulher Advogada, essencial aos nossos trabalhos, com bandeiras importantíssimas como a de combate à violência de gênero. No âmbito interno, precisamos inserir mais ainda as mulheres no Sistema OAB, especialmente nos quadros diretivos. Hoje elas já estão ultrapassando os homens nos quadros da advocacia", entende.

Eduarda Mourão, presidente da Comissão Nacional da Mulher Advogada da OAB, ressalta a importância da luta e da divulgação da data. "É de extrema valia lembrarmos sobre essa data para, efetivamente, nos irmanarmos contra a crescente violência que vitima diariamente as mulheres no Brasil. Somente a conscientização é capaz de combater essas práticas imorais e covardes", reforça a advogada.

A data nasceu nos anos 1980, quando o movimento de mulheres ganhava as ruas e praças para denunciar o aumento dos crimes contra as mulheres em todo o país. Exatamente em 10 de outubro de 1980, feministas de São Paulo ocuparam as escadarias do Teatro Municipal da capital paulistana para manifestar seu total repúdio à violência.

Os anos se passaram e muitas conquistas vieram, o que não afasta a necessidade de se prover ainda mais igualdade de oportunidades entre os gêneros. A Lei Maria da Penha é considerada a terceira melhor do mundo no combate à violência contra a mulher. É uma legislação conhecida por 98% da população brasileira, responsável pela estruturação da rede de atendimento especializado às mulheres vítimas de violência.